terça-feira, 8 de setembro de 2015

Questões da América Central

Questão 01)

O Canal do Panamá, que liga o Oceano Atlântico (através do Mar do Caribe) ao Oceano Pacífico, completa em 2014 cem anos.

Em 1878, o francês Ferdinand de Lesseps, construtor do Canal de Suez, obteve da Colômbia, a quem a região pertencia naquela época, permissão para realizar a obra. Os trabalhos foram iniciados em 1880 e foram interrompidos quatro anos depois pela falência da empresa construtora.

O presidente dos EUA, Theodore Roosevelt, demonstrou interesse, em 1903, em terminar o projeto. Como o Senado colombiano se opunha ao projeto, os norte-americanos instigaram o movimento de independência do Panamá contra a Colômbia.

Com a independência do Panamá, o governo panamenho concedeu aos EUA o direito de completar a obra e controlar a zona do canal e os lucros gerados.

O Canal do Panamá atualmente funciona sob o controle:

a) dos EUA;

b) do Panamá;

c) da Colômbia;

d) de parceria EUA – Panamá;

e) de parceria EUA – Panamá – Colômbia.

Gab: B

TEXTO: 1 - Comum à questão: 2

UM MOMENTO DE DESORDEM MUNDIAL

“Neste começo de século, assistimos a uma reformulação de fronteiras e influências político-econômicas no mundo. Essa nova forma de organização mundial, baseada na existência de redes, fluxos e conexões, exige mudanças no método [...] de agrupar e separar territórios. [...]

Essa nova era é marcada pelo advento da globalização e da internet, que permitiu maior integração internacional e criou um novo espaço [...], o “território-mundo”, composto de uma sociedade mundial que compartilha os mesmos valores. A integração cada vez maior dos Estados e a soberania de um país através de um grupo [...] são demonstradas pela força dos blocos econômicos, que estabelecem uma concorrência acirrada entre si para manter a influência sobre seus parceiros comerciais. [...]

Identifica-se um novo movimento de regionalização do espaço contemporâneo a partir de redes integradas ilegais de poder, como o tráfico de drogas e o terrorismo globalizado [...] e a reconfiguração dos territórios devido a mudanças nas relações de poder e ao hibridismo cultural”.

(Adaptado de Ciência Hoje On-line. In: http://cienciahoje.uol.com.br/
resenhas/um-momento-de-desordem-mundial. Acesso em: 23/08/14.)

Questão 02)

A nova era permitiu “[...] a integração cada vez maior dos Estados e a soberania de um país através de um grupo [...]. Nesse processo, interesses econômicos e políticos se mesclam o tempo todo e provocam a reconfiguração dos territórios devido a mudanças nas relações de poder [...]”, a exemplo do que vem ocorrendo no Haiti, país periférico “excluído”, é correto afirmar que:

a) grande parte da população haitiana vive abaixo da linha de pobreza, o que vem sendo sanado pelas políticas humanitárias da ONU e pela intervenção militar brasileira após o terremoto que atingiu o país, matando milhares de pessoas e devastando a parca infraestrutura existente.

b) o processo de exploração e expropriação imposto aos haitianos acentuou as condições miseráveis da população, agravada após o recente terremoto ocorrido no país que, com a ajuda dos Estados Unidos e do Brasil, reergueu sua economia em curto prazo.

c) o Haiti continua submetido a duríssimas sanções econômicas, mas o Fundo Monetário Internacional (FMI) intensificou a liberação financeira para os pequenos empresários nacionais, a fim de ajudar no processo de reconstrução do país arrasado após o terremoto que devastou a economia, intensificou a fome e a situação de miséria da população.

d) a falta de fiscalização internacional e a busca incessante de mão de obra barata transformaram o Haiti num país atrativo para investimentos estrangeiros, daí o interesse dos Estados Unidos e do Brasil intensificarem sua presença por meio da política de ação humanitária e intervenção militar após o terremoto ocorrido no país.

e) a estabilização sociopolítica e econômica do Haiti é fundamental para transformá-lo num país atrativo aos investimentos estrangeiros, o que explica a intensificação da política de ação humanitária e intervenção militar, sem as quais a população haitiana estaria impossibilitada de modificar a condição de fome e miséria a que ficou submetida após o terremoto.

Gab: D

Questão 03)

A República do Haiti é um pequeno país, que possui cerca de 10 milhões de habitantes, dos quais a grande maioria negra. A língua oficial é o francês e o crioulo, e a capital chama-se Porto Príncipe. O quadro social do país é bastante precário, em 2014 os jornais noticiaram a busca dos haitianos por trabalho no Brasil. Assinale a alternativa que contém o nome do continente onde o Haiti se localiza.

a) América do Norte

b) América Central

c) Ásia

d) América do Sul

e) África

Gab: B

Questão 04)

São características da América Latina e de sua população:

a) Os países latino-americanos distribuem-se por duas regiões geográficas do continente americano.

b) Os países da América Latina, em sua totalidade, foram colonizados pelos países ibéricos.

c) A sociedade apresenta uma acentuada estratificação e instabilidade econômica.

d) A população é predominantemente rural, se comparada à do continente africano.

e) As grandes cidades sofrem profundamente com a insuficiência sanitária mas possuem cobertura total de rede elétrica nas moradias, devido ao enorme potencial hidrelétrico do continente.

Gab: C

Questão 05)

Examine o mapa a seguir.

clip_image002

Pela análise do mapa, podemos fazer as afirmações que seguem.

00. O país 1 apresenta um litoral bastante recortado, o que facilitou, consideravelmente, a instalação de portos que servem para a exportação de petróleo, principal produto da pauta do comércio exterior.

11. O país 2 adotou, no final da década de 1950, um modelo político e econômico de caráter marxista, totalitário, mediante uma revolução. Os Estados Unidos, em represália, adotaram uma rígida política de bloqueio econômico ao país.

22. O país 3 encontra-se praticamente dividido ao meio por um amplo canal que liga dois oceanos distintos. O setor econômico mais importante do país é o de serviços, que gira em torno de uma zona de livre-comércio.

33. O país 4 possui um território dominantemente montanhoso. A agricultura do país, que emprega mais de um terço da população economicamente ativa, possui, como principais itens de exportação, o café e a banana.

44. O país 5 se destaca no cenário mundial pela estabilidade política. Nele, a produção de café e de banana e o turismo ambiental são os principais itens da atividade econômica.

Gab: FFFVV

Questão 06)

O Haiti foi o primeiro país a se tornar independente na América Latina (1 de janeiro de 1804). Diferentemente dos demais países latinos, nos quais o processo de independência foi liberado pela elite criolla, no Haiti houve outro encaminhamento.

A diferença no processo de independência do Haiti deve-se:

a) ao fato de o movimento ter sido conduzido por descendentes de escravos africanos.

b) ao apoio da metrópole, a França, que desejava livrar-se dos custos de colonização.

c) ao protesto contra as formas compulsórias de exploração indígena: a mita e a encomienda.

d) ao incentivo da Doutrina Monroe que apregoa: “A américa para os americanos”.

e) ao esforço dos ingleses interessados em aumentar sua área de influência na América.

Gab: A

Questão 07)

Honduras é um país da América Central, cuja história, assim como a de outros países latinoamericanos, é marcada pela dependência externa política e econômica. Em 2009, Honduras esteve em evidência no noticiário político.

a) Explique por que esse país, bem como outros países da América Central, ficou conhecido como “Republiqueta das Bananas” ou “República das Bananas”.

b) Em junho de 2009, um jornal de grande circulação publicou uma reportagem intitulada: Golpe em Honduras repete roteiro do século XX. Identifique e explique duas características comuns ao golpe ocorrido em Honduras e a outros golpes ocorridos na América Latina, durante o período da Guerra Fria.

Gab:

a) O termo “República ou Republiqueta das Bananas” era usado com duplo sentido.

Do ponto de vista econômico, indicava que os países da América Central, em função do clima tropical, eram importantes produtores e exportadores de frutas, com destaque para a banana.

Do ponto de vista político, caracterizava, de forma pejorativa, governos subordinados aos interesses de empresas transnacionais, principalmente norte-americanas, que atuavam nos países da região, monopolizando as exportações agrícolas, base da economia regional.

b) Durante o período da Guerra Fria (1945-89), ocorreram na América Latina golpes políticos com características semelhantes ao ocorrido em Honduras. Como pontos comuns, destacam-se:

— apoio militar aos golpes, organizando a expulsão de chefes de governos;

— controle das vias de circulação, limitando a passagem de pessoas e assim contendo ações contra-golpistas;

— suspensão das emissões de notícias por rádio e tevê, privando a população de maiores detalhes sobre os fatos;

— controle das forças que apoiavam os governos destituídos.

Questão 08)

“As tímidas reformas iniciadas pelo Presidente Raúl Castro não têm dado os resultados esperados. Um informe oficial do governo cubano revelou que, dos mais de 1 milhão de hectares de terras estatais entregues em usufruto a novos produtores em 2008, para aumentar a oferta de alimentos, 54% continuam improdutivas. Cuba, fortemente atingida pela crise econômica global e vários furacões em 2008, muito tem investido anualmente na importação de alimentos, e precisa urgentemente produzir mais....”

Cuba dá um passo à frente, outro atrás. O Globo. Caderno Opinião,
1º caderno, 22/08/2010, p.06.

Com base no contexto acima, a respeito dos resultados das recentes transformações econômicas realizadas em Cuba, é correto afirmar que a(o)

a) reestruturação cubana se baseia principalmente em uma reforma agrária concentrada em produtos de exportação, tais como: fumo, cana-de-açúcar e gêneros alimentícios, em resposta à posição do governo Barack Obama de reforçar o embargo econômico decretado há mais de 40 anos pelos Estados Unidos.

b) escassez de alimentos sempre foi uma das maiores dificuldades de governo cubano e, aliada a imposições econômicas e aos poucos incentivos dados aos agricultores, contribuiu ainda mais para a queda da produção agrícola.

c) presidente Castro permitiu a ampliação da base militar de Guantánamo, em troca de empréstimos norte-americanos para a recuperação econômica de Cuba.

d) governo cubano vem investindo nas atividades ligadas à exportação de bens e serviços, com a finalidade de combater o problema mais imediato no país, que é a escassez de divisas.

e) governo cubano tem se aproximado do Grupo dos Oito (G8),como forma de atrair investimentos estrangeiros, mas as negociações são dificultadas pela recusa renitente de Cuba a reingressar na Organização dos Estados Americanos (OEA).

Gab: B

Questão 09)

A América Latina andou conturbada em 2009. Sobre o cenário geopolítico da região, está correto afirmar que:

a) a suposta instalação de bases militares norte-americanas nas imediações da Amazônia causou mal estar e fez com que o presidente equatoriano, Álvaro Uribe, realizasse um giro diplomático entre os vizinhos.

b) o golpe militar dado pelo general Manuel Zelaya, em Honduras, reacendeu a sombra dos regimes militares, após um certo período de estabilidade democrática na região.

c) o presidente Hugo Chávez venceu novo referendo e prorrogou seu mandato até 2018.

d) o Equador recusou-se a renovar a concessão da base de Manta aos Estados Unidos.

e) o México manteve os altos índices de crescimento econômico, apesar dos problemas com o narcotráfico em sua fronteira.

Gab: D

Questão 10)

O bolero, o mambo, o calipso, a salsa, o reggae e o rap mostram a diversidade rítmica que caracteriza o mundo caribenho.

clip_image004

Apresente dois fatores que explicam a diversidade musical do Caribe.

Gab:

Dentre os fatores que explicam a diversidade rítmica do Caribe estão: a convergência de populações africanas, grupos indígenas e europeus de diversas nacionalidades; a intensidade da circulação marítima; a proximidade dos Estados Unidos, o mais importante mercado mundial de entretenimento.

Questão 11)

O Ministério da Saúde do Haiti informou que 4.030 pessoas morreram até 24 de janeiro de 2011, em decorrência da epidemia de cólera. A situação se agrava, pois o país ainda busca a reconstrução depois do terremoto de 12 de janeiro de 2010, que devastou a capital Porto Príncipe e outras cidades importantes.

Adaptado de http://operamundi.uol.com.br, 28/01/2011

clip_image006

Japão reconstrói em seis dias estrada destruída pelo terremoto de 11/03/2011

http://noticias.uol.com.br, 24/03/2011

As diferenças entre a reparação dos efeitos das catástofres ocorridas no Japão e no Haiti estão relacionadas, respectivamente, a:

a) desenvolvimento tecnológico − IDH baixo

b) mão de obra qualificada − economia de base agrícola

c) centralismo estatal − recursos internacionais escassos

d) distribuição equilibrada de renda − criminalidade elevada

Gab: A

Questão 12)

O Haiti é atualmente o país mais pobre das Américas. Sua independência se deu entre 1791 e 1804, quando líderes negros se revoltaram contra o colonizador e iniciaram uma violenta guerra racial, exterminando brancos e abolindo a escravidão. A influência decisiva para a emancipação política do Haiti foi:

a) o Iluminismo.

b) a Revolução Francesa.

c) a Revolução Industrial Inglesa.

d) a Independência dos Estados Unidos.

Gab: B

Questão 13)

Assinale o que for correto, no que se refere, apenas, às cidades da América Central, da sua parte continental ou insular.

01. Havana, Kingston, Cidade do Panamá, Manágua e Tegucigalpa.

02. Porto Príncipe, Santo Domingo, Guatemala, San José e San Salvador.

04. Nassau, Quito, San Juan, Caracas, Belmopan e Bogotá.

08. Georgetown, Paramaribo, Caiena, Port of Spain e Lima.

Gab: 03

Questão 14)

Sobre Honduras, país localizado na América Central, assinale o que for correto.

01. Como a região tem uma alta expectativa de vida, a sua população é constituída por uma maioria de pessoas idosas.

02. A República de Honduras é banhada tanto pelo Oceano Atlântico (Mar do Caribe) como pelo Oceano Pacífico.

04. A economia hondurenha, uma das mais pobres da região, está baseada nas exportações de itens primários: vegetais, madeira, frutos do mar e minerais.

08. Tem como capital a cidade de Tegucigalpa e, entre as línguas faladas no país, destaca-se o espanhol, que é a sua língua oficial.

16. Localiza-se na parte insular da América Central, ou seja, é uma ilha próxima de Cuba, do Haiti e da República Dominicana.

Gab: 14

Questão 15)

“Deposição de Zelaya é ilegal”, diz Obama

Agência Estado

Numa dura reação contra o golpe militar deflagrado no domingo em Honduras, o presidente norte-americano, Barack Obama, qualificou ontem de "ilegal" a situação no país e exortou os hondurenhos à retomada da estabilidade e da democracia, com o retorno do presidente deposto, Manuel Zelaya. Em comunicado, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou que o "golpe foi ilegal" e acredita que Zelaya continua sendo presidente de Honduras.

Ele acrescentou que ‘está preocupado’ com as notícias sobre a ‘detenção e expulsão’ de Zelaya. ‘Peço a todos os atores sociais e políticos em Honduras que respeitem as normas democráticas. Qualquer tensão ou disputa deve ser resolvida pacificamente por meio de um diálogo livre de interferência externa’, disse Obama. ‘Não queremos retornar ao passado obscuro. O presidente Zelaya foi eleito democraticamente e não havia terminado ainda seu mandato. Para nós, ele segue como presidente de Honduras.’” (sic)

Disponível em:

<http://www.paranaonline.com.br/editoria/mundo/news/3

81579/?noticia=DEPOSICAO+DE+ZELAYA+E+ILEGAL

+DIZ+OBAMA>. Acesso em: 9 nov. 2009.

Partindo-se da leitura do texto acima, e com base no conhecimento da realidade política internacional, marque a opção INCORRETA:

a) a deposição do presidente hondurenho adiciona mais um acontecimento ao cenário de derrubada de líderes políticos na América latina, a exemplo do fim da ditadura Pinochet, no Chile;

b) a ascensão de um negro ao cargo político de maior envergadura mundial contrasta com o cenário de poder nos Estados Unidos de outrora, que era predominantemente ocupado por brancos;

c) A ambição pela perpetuidade no poder tem levado alguns líderes de países latino-americanos ao descrédito, a exemplo de Honduras e da Bolívia, diferentemente do Brasil, que se mostra contrário à reeleição;

d) As declarações do Presidente americano podem ser tomadas como contraditórias, uma vez que os Estados Unidos já haviam se manifestado de forma contrária à reeleição de Zelaya;

e) A adoção do regime ditatorial em países da América latina, a exemplo da Era Vargas, no Brasil, demonstra a falência desta postura política, o que reabre a discussão pela opção da democracia.

Gab: C

Questão 16)

Recentemente um país latino americano teve problemas políticos internos que chamaram a atenção mundial e por esta razão foi repreendido pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Organização dos Estados Americanos (OEA).

Assinale a alternativa que contém o nome do país e o fato político, sequencialmente.

a) Honduras e o golpe militar que depôs o presidente Manuel Zelaya.

b) Nicarágua e o assassinato do presidente Daniel Ortega.

c) Venezuela e o plebiscito ilegal levado a cabo pelo congresso, comandado pelo primeiro ministro Evo Morales.

d) Honduras e o assassinato do chefe da casa civil Manuel Zelaya.

e) El Salvador e a prisão do presidente do senado Maurício Funes.

Gab: A

Questão 17)

Em janeiro de 2010, o Haiti sofreu um terremoto de consequências devastadoras: contaram-se cerca de 212 mil mortos, um milhão de pessoas ficaram desabrigadas e boa parte da capital do país, Porto Príncipe, foi reduzida a escombros. Essa tragédia ocorreu em um país assolado pela miséria e pela fragilidade institucional.

Sobre a história recente do Haiti, considere as seguintes afirmativas:

I. Os Estados Unidos invadiram o Haiti em 1915 e permaneceram no país até 1934.

II. Em 1957, François Duvalier (Papa Doc) assumiu o poder, apoiado pelos Estados Unidos, e iniciou um amplo processo de desconcentração da propriedade fundiária.

III. Durante a década de 1990, o país viveu um curto período de prosperidade, fruto da estabilização política, da democratização e do crescimento das exportações.

IV. Em 2004, em meio a um cenário de guerra civil, o Conselho de Segurança da ONU criou uma “força de paz” liderada pelo Brasil para atuar no país.

V. O terremoto mobilizou a comunidade internacional no sentido de recuperar a governabilidade do Haiti e tornar o país menos vulnerável às intervenções externas.

Estão corretas as afirmativas:

a) I e II, apenas.

b) III e IV, apenas.

c) II e V, apenas.

d) I e IV, apenas.

e) II e III, apenas.

Gab: D

Questão 18)

Em janeiro de 1959, tropas revolucionárias comandadas por Fidel Castro tomaram o poder em Cuba. A luta revolucionária:

a) foi dirigida por uma guerrilha comunista que pôde derrotar o exército de Fulgêncio Batista, graças ao apoio militar oferecido pela União Soviética.

b) foi dirigida pelo Partido Comunista de Cuba, que conseguiu mobilizar camponeses e trabalhadores urbanos contra a ditadura de Fulgêncio Batista.

c) foi dirigida por dissidentes do governo de Fulgêncio Batista, com apoio inicial do governo dos Estados Unidos, interessado em democratizar a região do Caribe.

d) foi dirigida por uma guerrilha nacionalista e antiimperialista, que angariou apoios da oposição burguesa e de setores da esquerda cubana.

e) foi dirigida por um movimento camponês espontâneo que, gradativamente, foi controlado pelos comunistas liderados por Fidel Castro.

Gab: D

Questão 19)

A partir da década de 1990, a resistência à hegemonia dos EUA na América Latina se fortaleceu com o surgimento de lideranças nacionais que constituem a chamada “nova esquerda latino-americana”. O ano de 2008 colocou um ponto de interrogação nesse processo, o que pode ocasionar mudanças capazes de enfraquecer essa composição política.

Essa nova conjuntura está relacionada a possíveis alterações em:

a) sistema econômico cubano com a renúncia de Fidel Castro

b) política externa boliviana com a vitória eleitoral de Evo Morales

c) regime tarifário brasileiro com a retomada do diálogo entre os países do Mercosul

d) estrutura agrícola paraguaia com a ação das forças de direita do governo recém-eleito

Gab: A

Questão 20)

De 1962 até 2009, decorreram 47 anos de embargos dos Estados Unidos da América (EUA) a Cuba.

Para Cuba, isso representou

I. perdas devido aos obstáculos impostos ao crescimento dos serviços, das exportações, do turismo, do transporte aéreo, da produção de açúcar, da extração de níquel, entre outros.

II. ganhos registrados após a reorientação geográfica dos fluxos comerciais sobre custos de fretes, de armazenagem, de comercialização, na compra de mercadorias, entre outros.

III. melhora e contribuição para o crescimento da produção nacional com acesso ilimitado às tecnologias, abundância de peças de reposição e assistência ao serviço de equipamentos, reestruturações de grandes empresas, entre outros.

IV. entraves de ordem monetária e financeira, impossibilidade de negociar novamente a dívida externa, proibição de acesso ao dólar, impacto desfavorável de variações das taxas de câmbio sobre o comércio, entre outros.

Estão corretas apenas

a) I e IV.

b) II e III.

c) I, II e IV.

d) II, III e IV.

e) I e II.

f) I.R.

Gab: A

Questão 21)

Leia atentamente o trecho a seguir, referente a um dos países que tem apresentado os maiores índices de crise ambiental e social da história contemporânea.

“È hoje um dos mais pobres países do mundo. Muito ou a maioria da população vive crônica ou periodicamente sem eletricidade, água, esgotos, serviço médico e educação. È um país superpovoado, com uma modesta economia de café e açúcar para exportação. De colonização francesa, o país vive uma extrema separação entre as massas de gente pobre, vivendo em áreas rurais ou nas favelas de Port–au–Prince, e a pequena e rica elite mulata, que vive no arejado e montanhês subúrbio de Péttionville, come em restaurantes franceses e bebe vinhos finos caríssimos.

DIAMOND, J Colapso. Como as sociedades escolhem o fracasso ou o sucesso. Rio de Janeiro: Record, 2005. p. 399.

Pose–se afirmar que o texto refere–se ao seguinte país:

a) Ruanda.

b) Polinésia Francesa.

c) Haiti.

d) Guiana Francesa.

e) República do Congo.

Gab: C

Questão 22)

Dois países latino-americanos possuem vários pontos em comum:

• localizam-se na América Central;

• sofreram interferência política e militar dos Estados Unidos;

• foram colônias de exploração;

• possuem economias baseadas no cultivo de cana-de-açúcar;

• na década de 1990, muitos de seus habitantes tentaram migrar para os Estados Unidos em embarcações precárias.

As diferenças, porém, estão retratadas no quadro.

clip_image008

Os países A e B são, respectivamente,

a) Cuba e Haiti.

b) El Salvador e Porto Rico.

c) Bahamas e Jamaica.

d) Nicarágua e Porto Rico.

e) República Dominicana e Costa Rica.

Gab: A

TEXTO: 2 - Comum à questão: 23

“As manchetes dos jornais poderiam ter provocado calafrios nos veteranos da Guerra Fria. Daniel Ortega, aquele que já foi um revolucionário marxista e um inimigo declarado dos Estados Unidos, voltou ao poder na Nicarágua (...). O mais estridente crítico dos Estados Unidos na América Latina – Hugo Chávez, da Venezuela – não perdeu tempo em comentar com prazer a significância da vitória de Ortega. (...)

A América Latina está deixando de ser – e para sempre – um quintal do imperialismo norte-americano. Ianques, voltem para casa! Gringos, voltem para casa! Esta terra é nossa. Esta é a nossa América!”

The New York Times, 13 nov. 2006.

clip_image010

Em Montevidéu, os ícones da esquerda latino-americana:

nem todos são iguais.

Revista Veja, 22 nov. 2006.

O texto e a foto explicitam não só o caráter populista das atuais lideranças latino-americanas, mas também chamam a atenção para as diferenças entre elas.

Hoje, esta nova “onda” de governos latino-americanos está sendo denominada neopopulismo, numa referência à história da mesma América Latina em meados do século passado.

Questão 23)

Ao afirmar que o retorno de Daniel Ortega ao governo nicaragüense poderia provocar “ calafrios nos veteranos da Guerra Fria”, o periódico reforça a idéia de que a comunidade econômica internacional vê esse episódio com desconfiança porque:

a) é pública a promessa eleitoral de Hugo Chávez, Evo Morales e Daniel Ortega de compor uma frente armada contra a intervenção dos EUA na América Latina.

b) a postura nacionalista, para o mundo globalizado, se contrapõe ao próprio desenvolvimento, já que a atuação das empresas multinacionais pode representar a solução para questões econômicas locais.

c) os governantes citados têm retomado uma política econômica de esquerda como forma de se opor às elites conservadoras e reforçar os objetivos do Mercosul.

d) os novos governos caminham para a construção de um mundo socialista de mercado, investindo em acordos de cooperação comercial como o recente acordo de livre comércio entre os Estados Unidos e as nações latino-americanas.

e) todas as lideranças populistas latino-americanas, desde as propostas de unificação bolivariana, levaram o continente ao caos econômico e administrativo.

Gab: B

Questão 24)

Há pouco mais de dez anos avaliava-se que o regime cubano não sobreviveria devido ao fim da União Soviética, principal parceiro comercial de Cuba, e à manutenção do embargo econômico-político promovido pelos Estados Unidos. Considerando-se essa situação:

a) indique duas medidas adotadas pelo governo que flexibilizaram o regime cubano;

b) explique um fator político-econômico que possibilitou a intensificação das relações de Cuba com o Brasil e a Venezuela.

Gab:

a) Duas medidas, das apresentadas abaixo, entre outras:

– mudança das leis sobre a agricultura;

– reconhecimento da empresa privada;

– incentivo ao turismo internacional;

– formação de empresas de capital misto;

– dinamização da vida cultural;

– criação de mecanismos internos que possibilitem a captação e entrada de dólares no país.

b) Um fator político-econômico, dos apresentados abaixo, entre outros:

– a flexibilização do regime cubano, aliada à redemocratização da América Latina, à chegada ao poder de governos de esquerda ou centro-esquerda que se opõem à política estadunidense para o continente americano, intensificou as relações de Cuba com o Brasil e a Venezuela;

– o aparecimento de um sentimento antiamericano, fortalecido mundialmente, devido ao poder econômico e militar que o governo estadunidense exerce sobre os países latino-americanos e os mais variados povos. Esse fenômeno intensificou as relações entre Brasil, Argentina e Cuba que se organizaram com vistas à defesa da soberania nacional e a participação mais efetiva na economia mundial, resguardando as especificidades e a importância da América Latina, no cenário mundial.

Questão 25)

A organização espacial da região do Caribe é marcada pela fragmentação territorial. Referindo-se às ilhas do Caribe, o livro Haiti: cultura, poder e desenvolvimento, de Marcelo Grodin (in Geia, vol. 8, Magnoli, Demétrio, Ed. Moderna) apresenta a seguinte ilustração:

clip_image012

A opção que melhor interpreta a ilustração é:

a) A ilha com um ponto de interrogação (?) é Cuba, único país socialista da região, portanto, não se sabe até quando permanecerá nessa situação.

b) A presença de diferentes colonizadores nas ilhas do Caribe (franceses, ingleses, espanhóis, holandeses) gerou uma variedade lingüística significativa ao creole falado nas diversas ilhas.

c) A insignificância dessas ilhas que já foram centros da economia exportadora de produtos tropicais, na época colonial e que, hoje, estão demograficamente desertas e abandonadas.

d) A diversidade caribenha que se manifesta em “paraísos fiscais”, países socialistas, ditaduras militares e centros de pesquisas espaciais.

e) As ilhas do Caribe não foram “batizadas”, por isso seus nomes não aparecem na ilustração.

Gab: B

Questão 26)

A figura apresenta um perfil de eclusas e barragens de um importante ponto de interligação marítima.

clip_image014

Assinale a opção que apresenta a identificação correta dessa importante interligação:

a) Canal de Suez o importante via de transporte de petróleo proveniente do golfo Pérsico e atualmente controlado pelo Egito.

b) Canal de Beagle - interliga os oceanos Atlântico e Pacífico e foi construído pelo governo norte-americano em troca de uma concessão que vigorou até o ano 2000.

c) Canal de panamá - situado em um país pouco extenso, onde a largura máxima atinge 80 km, está representado a figura do ponto de vista de quem se encontra no hemisfério norte.

d) Estreito de Bering - passagem através da qual foram realizados importantes deslocamentos humanos provenientes do continente asiático para o continente americano.

Gab: C

Questão 27)

O país assinalado no mapa foi colônia espanhola, passou por uma revolução socialista no século passado, possui reservas de zinco e ouro e, em 2000, ocupava a 116ª posição no Índice de Desenvolvimento Humano. Trata-se:

clip_image016

a) do Haiti.

b) da Jamaica.

c) de Cuba.

d) da Nicarágua.

e) do Panamá.

Gab: D

Questão 28)

Observe o gráfico sobre a participação do açúcar e do turismo na economia cubana e assinale a alternativa que justifica as causas da evolução dos dois produtos representados.

PARTICIPAÇÃO DO AÇÚCAR E DO TURISMO NA ECONOMIA DE CUBA (EM US$ MILHÕES).

clip_image018

(Escritório Nacional de Estatística de Cuba, 2001.)

a) Grave crise econômica após a extinção da URSS; parceria com grandes redes hoteleiras européias; riqueza em recursos paisagísticos.

b) Substituição da cana-de-açúcar por outros produtos agrícolas; parceria com redes hoteleiras asiáticas; riqueza em recursos minerais.

c) Desenvolvimento da pecuária de corte; parceria com redes hoteleiras japonesas; riqueza em recursos marinhos.

d) Grave crise econômica após a extinção da CEI; parceria com redes hoteleiras tailandesas; riqueza em recursos pedológicos.

e) Grave crise econômica após a extinção da Rússia; parceria com redes hoteleiras mexicanas; riqueza em recursos pesqueiros.

Gab: A

Questão 29)

O Tratado do Canal do Panamá, assinado entre os Estados Unidos e o Panamá em 1977, estabelece que, no dia 31 de dezembro de 1999, aquele Canal passará, definitivamente, para o controle panamenho. Considerando o aspecto geoeconômico, o Canal do Panamá é:

a) um istmo natural, ligando o Oceano Pacífico, o Mar do Caribe e o Lago Titicaca.

b) uma obra de engenharia que, diferentemente do Canal de Suez, foi concluída sem muita dificuldade e em tempo recorde, devido à topografia favorável da região.

c) um conjunto de três eclusas naturais que, conforme o movimento das marés, eleva as embarcações de um nível a outro.

d) uma travessia secundária ligando o oceano Atlântico ao Pacífico, porque a maior parte dos navios continua utilizando a rota do Cabo Horn para passarem de um oceano a outro.

e) uma ligação estratégica entre os oceanos Atlântico e o Pacífico, de vital importância econômica para os EUA, à medida que, por ela, passam 70% de suas exportações e importações.

Gab: E

Questão 30)

I. Após a dissolução da ex-URSS e do fim dos regimes comunistas na Europa Oriental, a situação econômica de Cuba agravou-se, pois aqueles países compravam o petróleo, principal produto da ilha, a preços acima do mercado.

II. O embargo econômico imposto pelos EUA mantém o país num estado de isolamento econômico, com profundos reflexos negativos na qualidade de vida.

III. Como em muitos outros países, a pequena extensão territorial é responsável por sua inviabilidade econômica.

IV. Como conseqüência do regime fechado e da brutal queda do nível de vida da população, grande número de pessoas tenta abandonar o país, com grande risco.

Sobre a atual conjuntura econômica e social de Cuba, são verdadeiros:

a) I, II, III e IV

b) apenas II e III

c) apenas I e II

d) apenas III e IV

e) apenas II e IV

Gab: E

Questão 31)

No mundo contemporâneo, Cuba é um dos últimos países a manter o regime socialista.

Observe os gráficos, expressos em milhões de dólares/ano, e responda.

clip_image020

clip_image022

clip_image024

Fonte: CIA e Conselho Econômico EUA-Cuba, 2000.

a) Descreva os gráficos I e II. Identifique a grande potência mundial ausente, justificando sua resolução.

b) Compare os dados relativos ao Canadá nos gráficos I, II e III. Utilizando seus conhecimentos, indique o setor que recebe o maior volume de recursos estrangeiros em Cuba, na atualidade.

Gab:

a) Entre os países que mais se relacionam comercialmente com Cuba, destacam-se: países europeus, latino-americanos e o Canadá. A grande potência ausente são os Estados Unidos que, devido às diferenças político-ideológicas em relação ao regime político e econômico cubano, impõem ao país do Caribe um intenso e longo boicote econômico.

b) O Canadá apresenta-se como o maior investidor na economia cubana e o terceiro maior parceiro comercial cubano. O setor que recebe maior volume de recursos estrangeiros em Cuba, na atualidade, é o turismo.

Questão 32)

Assinale a alternativa que apresenta características comum ao Caribe.

a) Formado por países que se tornaram independentes política e economicamente ainda no século XIX.

b) Constitui-se em uma área com índices sociais considerados satisfatórios e elevados quando comparados ao restante da América Latina.

c) Toda a área sofre forte influência econômica do México e da Venezuela, países mais próximos e ricos da região.

d) Toda a região sofreu forte dominação estrangeira,q É deixou marcas históricas como a dependência econômica, política e cultural.

e) A região tem atraído a atenção dos investidores internacionais em função de sua estabilidade política e variedade de recursos naturais.

Gab: D

Questão 33)

As condições naturais do Caribe, assim como sua posição em relação à organização econômica e geopolítica, contribuíram para o desenvolvimento de uma série de atividades econômicas voltadas para os mercados consumidores externos.

clip_image026

Com relação ao texto acima, podemos afirmar que a região caribenha NÃO se destaca:

a) pela indústria do turismo.

b) como refúgio de capitais.

c) por sua posição estratégica.

d) pela produção de material bélico.

e) pela produção primário-exportadora.

Gab: D

Questão 34)

O embargo norte-americano a Cuba procura

a) restabelecer o domínio capitalista naquela ilha do Caribe, a partir do fim do governo de Fidel Castro e do socialismo cubano.

b) reordenar forças no espaço latino-americano para fazer frente à política econômica da União Européia e do Mercado Comum do Cone Sul (Mercosul).

c) cumprir princípios estabelecidos pela Organização dos Estados Americanos (OEA) sobre a instalação dos regimes democráticos na América Latina e no Caribe.

d) inserir Cuba no Mercado Comum da América do Norte (NAFTA), em função dos elevados níveis econômicos, de saúde e de educação que aquele país detém.

Gab: A

Nenhum comentário:

Gostou? Compartilhe o Blog!!!

Facebook Twitter Addthis